Profissional é capacitado a orientar pacientes, principalmente com o intuito de educar e instruir sobre todos os aspectos relacionados ao medicamento

Na tarde desta quarta-feira, 26, a equipe multidisciplinar da Policlínica Estadual da Região Nordeste realizou uma palestra sobre a importância do farmacêutico na unidade, bem como a implantação da farmácia de alto custo, através do programa Juarez Barbosa.

Para a fisioterapeuta e palestrante Daniela Schuh Valente , a importância de um farmacêutico vai muito além do profissional que as pessoas conhecem nas bancadas das farmácias. “Hoje, além de ser capacitado para efetuar exames de análises clínicas, atuar na indústria alimentícia, testar as substâncias e estar diretamente envolvido na criação de novos medicamentos, o papel do farmacêutico passa pelo atendimento e aconselhamento da população”, explica.

Muitas vezes, são estes profissionais que prestam a primeira orientação sobre os remédios. Este profissional da saúde é capacitado a orientar os pacientes, principalmente com o intuito de educar e instruir sobre todos os aspectos relacionados ao medicamento.

“O farmacêutico é uma fonte confiável de conhecimento e aconselhamento, não apenas para pacientes, mas também para outros profissionais de saúde. Ele garante que o medicamento correto seja fornecido ao paciente certo na dose e formulação mais adequadas”, destaca Daniela.

Além disso, trabalha com outros profissionais de saúde para garantir que cada indivíduo receba o tratamento ideal. Como um dos profissionais de saúde mais acessíveis em todo o mundo, usam seu conhecimento para proteger a saúde, sendo muitas vezes esquecidos. “Portanto, é sempre importante lembrar daqueles profissionais que passam despercebidos, mas que desempenham um papel mais que importante na sociedade e na saúde”, afirma a palestrante.

 

Ajustar fonte