Atividade faz parte da campanha Fevereiro Roxo, que conscientiza sobre a doença

Em alusão a campanha Fevereiro Roxo, a Policlínica da Região Nordeste – Posse realizou nesta terça-feira, 22, uma palestra sobre o Mal de Alzheimer. A fisioterapeuta Danúbia Rafaela conduziu a ação e explicou sobre a doença.

“O Alzheimer é uma doença neurológica degenerativa, progressiva e irreversível, caracterizada por perdas graduais da função cognitiva, distúrbios do comportamento e afeto. Reduz a capacidade de trabalho e relação social, interferindo no comportamento e na personalidade do indivíduo”, afirma.

A profissional ressalta que a doença é a causa mais comum de demência, sendo responsável por mais de 60% dos casos. ‘Alguns fatores de risco estão relacionados a hereditariedade, idade acima de 60 anos, traumatismo craniano relacionado a perda de consciência, problemas cardíacos, hipertensão, colesterol e diabetes”, destaca.

O diagnóstico clínico para a doença é a perda de duas das cinco funções: memória, linguagem, função visuoespacial, função executiva e personalidade. A fisioterapeuta falou que existem formas de evitar o Alzheimer. “Durante a vida, principalmente quem não tem a doença precisa deixar o cérebro funcionando a todo vapor. Além disso, é preciso, manter o peso em nível saudável, evitar traumatismo craniano, gerenciar o estresse, comer alimentos com vitamina C, praticar exercícios físicos, suplementação de vitaminas do complexo B, ter boa qualidade de sono, evitar abuso do álcool e o hábito de fumar”, concluiu.

 

Ajustar fonte